Você conhece a função da embreagem do seu carro? No texto de hoje vamos te mostrar como funciona esse pedal, além de ensinar como evitar o desgaste da embreagem.

O que é embreagem?

O pedal da embreagem é o responsável por interromper a comunicação entre o motor e as rodas do veículo. Como não se pode mudar a marcha com o carro em movimento, a embreagem é acionada para cortar essa ligação.

A embreagem é formada por disco, platô e rolamento ou atuador hidráulico. Ela não costuma ser trocada com frequência, a menos que o motorista a utilize de forma incorreta.

Dessa forma, é possível observar, através da embreagem, se o condutor é cuidadoso com seu veículo e se é bom motorista. Isso porque, quanto mais desgastada for a embreagem, mais ações erradas ele estará cometendo.

Além disso, na hora de comprar um carro novo, um dos itens a serem observados é o estado da embreagem, como já mostramos aqui em nosso blog anteriormente. Se ela estiver muito desgastada, vai desvalorizar o automóvel.

Como evitar o desgaste da embreagem?

Com o tempo, o pedal da embreagem começa a endurecer devido o desgaste da peça. Quando isso ocorre, a mola do disco já pode ter perdido de 20 a 30% de sua flexibilidade e, além disso, a mola do platô provavelmente já estará bem danificada.

Os principais motivos do desgaste da embreagem são os fortes choques mecânicos e as altas temperaturas impostas aos componentes, causadas por ações erradas cometidas pelo motorista. Para que a embreagem tenha maior durabilidade, é necessário que os condutores abandonem certos hábitos e vícios.

Existem várias formas de evitar o desgaste precoce da embreagem. Siga nossas dicas e aumente a vida útil da sua!

– Apoiar o pé no pedal da embreagem: esse é um dos hábitos mais comuns entre os motoristas. A maioria das pessoas não sabe, mas essa ação, quando realizada com frequência, pode causar um superaquecimento no sistema, contribuindo assim para seu desgaste precoce.

– Dar partida com carro engatado na segunda marcha: essa prática é realizada por alguns motoristas quando querem dar uma boa arrancada quando o sinal abrir, por exemplo. Mas esse é mais um erro do condutor, a menos que esteja em uma ladeira, quando o veículo realmente necessita de mais força.

– Controle de embreagem: outro vício muito comum é o controle de embreagem, ou meia embreagem. A prática consiste em manter o carro parado em locais íngremes ao pisar na embreagem com a primeira marcha engatada. Essa ação pode ocasionar a elevação do giro do motor e uma consequente queima da embreagem em situações de muita aceleração. Então, ao parar o carro em uma ladeira, mantenha-o parado através do freio ou do freio de mão.

– Tranco na redução das marchas: outra forma de danificar a embreagem é dando trancos na hora de reduzir as marchas. Essa redução deve ser feita de forma gradual de acordo com a velocidade do veículo.

– Sincronia entre embreagem e aceleração: outra forma de evitar o desgaste da embreagem é manter uma sincronia entre embreagem e aceleração. O condutor deve soltar aos poucos a embreagem e acelerar devagar.

– Sincronia entre marcha e velocidade: o motorista deve ficar atento à marcha correta para a velocidade que está dirigindo. Assim, evitará o desgaste desnecessário da sua embreagem.

Precisando de ajuda? Venha pra a RB Multimarcas! Nós temos mais de 250 veículos em estoque e uma equipe qualificada para te orientar. Conheça uma de nossas quatro lojas: Avenida Ivo Silveira, em Florianópolis; Mundocar Mais Shopping e Automotivo Shopping, em São José; e em Urubici.